23 Benefícios do BIM para o seu empreendimento (Parte III)

Usos do BIM na fase de Construção

Clique aqui para acessar a parte II – Fase de concepção

13. Coordenação 3D (Construção)

Um processo no qual programas de detecção de conflitos são usados durante o processo de coordenação para determinar conflitos de campo, comparando modelos 3D de sistemas de construção (Arquitetônico, Estrutural, Hidráulico, Elétrico, etc.). A meta da detecção de conflitos é  identificá-los antes da instalação do sistema, gerando economias de tempo e dinheiro.

conflitos e medidas

Figura 9: Coordenação 3d usando o software Navisworks Manage.

14. Planejamento de Canteiro de Obras (Construção)

Processo no qual o BIM é usado para representar graficamente as instalações permanentes e temporárias no canteiro de obras durante várias fases do processo de construção. Também pode ser associado com o cronograma de atividades de construção para transmitir os requisitos de espaço e de sequenciamento. Informações adicionais incorporadas ao modelo podem incluir recursos de trabalho, materiais com entregas associadas e localização de equipamentos. Devido ao fato que os componentes do modelo 3D podem ser diretamente ligados com o cronograma, as funções de gestão local, tais como visualização 4D, replanejamento de curto prazo e análise de recursos podem ser analisadas ao longo de diferentes dados espaciais e temporais.

canteiro

Figura 10: Planejamento de canteiro de obras usando o Google SketchUP.

15. Design de Sistemas Construtivos (Construção)

Processo no qual programas de design 3D são usados para projetar e analisar a construção de sistemas de construção complexos (por exemplo, trabalhos de forma, painéis de vidro, tirantes, etc.), a fim de aumentar o planejamento.

vidraçaria

Figura 11: Design de fachada de vidro complexa utilizando o software Revit.

16. Fabricação Digital (Construção)

Processo que usa uma informação digitalizada para facilitar a fabricação de materiais de construção ou conjuntos. Alguns usos da fabricação digital podem ser vistos na fabricação de folhas de metais, aço estrutural, corte de tubos, prototipagem para revisão de concepção, etc. A fabricação digital auxilia no sentido de garantir que a fase de produção tenha ambiguidades mínimas e informações suficientes para fabricar com o mínimo de desperdício. Um modelo de informação pode ser utilizado, com as tecnologias adequadas, na montagem final das peças fabricadas.

cc643837cd70928d

Figura 12: Fabricação digital de estrutura de aço.

17. Controle e Planejamento 3D – Layout Digital (Construção)

Processo que utiliza um modelo de informações para gerar o layout dos conjuntos de instalações ou automatizar o controle de equipamentos de movimento e localização. O modelo de informação é usado para criar pontos de controle detalhado que auxiliam no layout de montagem. Um exemplo é criar um layout de paredes usando uma estação total com pontos pré-carregados e/ou utilizando coordenadas GPS para determinar se a profundidade da escavação adequada é alcançada.

Clique aqui para acessar a parte IV – Fase de Operação e Manutenção

About Author:

Artur Nóbrega Bessoni Feitosa, Pessoense, é Engenheiro Civil formado pela UFPB e discente do International Master BIM Manager (Zigurat Global Institute of Technology). Atualmente é Coordenador BIM da Construtora Avante, BIMExperts e trabalha como Instrutor no centro de treinamento Autodesk -ProjetoACG - João Pessoa-PB. Foi bolsista da CAPES pelo programa ciência sem fronteiras onde estudou nas seguintes universidades: Rider University (ELI), Arizona State University (Civil Engineering) e Carnegie Mellon University (Research - BIM). Em 2016 palestrou no AU Brasil - São Paulo, mesmo evento em que obteve a sua certificação profissional (Autodesk Revit Structure 2015). Seu forte é Building Information Modeling e sua paixão é o empreendedorismo. Mais informações e contato: https://about.me/arturfeitosa LinkedIn: https://br.linkedin.com/in/arturfeitosa

Dúvidas, sugestões ou comentários?